Quer entender o que é o Observatório?

... ou quer conhecer nossos estudos?

SOBRE O OBSERVATÓRIO

O Observatório de Oncologia é uma plataforma online e dinâmica de monitoramento de dados abertos e compartilhamento de informações relevantes da área de oncologia do Brasil.

DADOS ABERTOS

Todos os dados utilizados no Observatório de Oncologia são provenientes de fontes de dados abertos governamentais.

  • As principais bases de dados são do Ministério da Saúde, do Instituto Nacional do Câncer (INCA) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

  • Os dados abrangem quatro dimensões: demográfica, epidemiológica, de assistência a saúde e de rede assistencial.

  • São utilizados principalmente dados sobre incidência de câncer, atendimentos ambulatoriais, internações hospitalares e mortalidade.

icone

Dados abertos são dados que podem ser livremente usados, reutilizados e redistribuídos por qualquer pessoa.

Dados abertos [%]
100
Bases de dados
8
Microdados [ao ano]
19800000
População
202000000

NOSSAS ATIVIDADES

Coleta de dados

Coleta de microdados de fontes de dados abertos governamentais, em especial do Ministério da Saúde, do INCA e do IBGE, abrangendo todo território nacional.

Análises Colaborativas

Compilação e análise dos dados realizados a partir do universo de dados disponíveis, podendo surgir por sugestões dos próprios usuários do site.

Visualização

Compartilhamento e divulgação de informações relevantes através da plataforma online, onde também é possível fazer o download dos estudos.

Transformamos dados em informação

ÚLTIMOS ESTUDOS

A Assistência em Oncologia no SUS: onde tratar?

Este estudo tem por objetivo fazer uma atualização das habilitações em oncologia, tendo como referência um levantamento anterior sobre este tema, publicado nesta plataforma (disponível em: http://observatoriodeoncologia.com.br/a-assistencia-onco-hematologica-no-sus-cacon-unacon/). Porém, este atual levantamento não se refere aos […]

60 dias para o câncer e o direito do paciente

O tempo é fator determinante para que o tratamento oncológico seja efetivo- ou não. O diagnóstico precoce é a primeira etapa para que os bons resultados sejam alcançados, e com esta resposta em mãos espera-se […]

A Obesidade e os Riscos de Desenvolver Câncer

  Nos últimos anos, os hábitos dos brasileiros têm impactado cada vez mais no crescimento da obesidade e, consequentemente, no aumento de doenças crônicas não transmissíveis como diabetes, hipertensão e, até mesmo, o câncer. Segundo […]

VEJA TODOS OS ESTUDOS

QUEM SOMOS

[]
1 Step 1
CONTATO
Nome
Mensagem
0 / 999
Previous
Next
powered by FormCraft